Traduza este blog

terça-feira, 18 de setembro de 2018

E não nos deixes cair em tentação, mas livra-nos do mal, porque teu é o Reino, o poder e a glória para sempre. Amém. Mateus 6: 13




O trecho em epígrafe é parte da oração que o próprio Senhor Jesus nos ensinou, quando foi perguntado pelos discípulos sobre como devemos orar. O Senhor nos deu a fórmula, mas não deixou claro que ela não deve ser um mantra, um mero texto a ser repetido. Ele nos mostrou como devemos nos fazer e em que devemos focar para que a oração atinja o seu propósito na essência. Quando pedimos a Deus que nos livre das tentações, porque somos naturalmente propensos ao pecado, precisamos pedir a Deus que Ele crie circunstâncias que nos impeçam de cair. Precisamos pedir forças para superar nossas fraquezas e, sobretudo, nos dispor a obedecer confiando que Ele nos fortalecerá, pois o poder de Deus se aperfeiçoa na nossa fraqueza   

Esforçai-vos, e ele fortalecerá o vosso coração, vós todos que esperais no Senhor. Salmos 31:24

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!