Traduza este blog

domingo, 2 de abril de 2017

Buscai antes o reino de Deus, e todas estas coisas vos serão acrescentadas. Lucas 12:31


Vivemos em um mundo movido por uma sociedade hedonista e consumista tem ocupado grande parte, se não a totalidade, de seu tempo com coisas matérias e com a busca de poder e de prazer que aniquilam o próprio tempo e sufoca a essência humana. Na busca por aspectos materiais, perecíveis e transitórios, a humanidade tem perdido seu foco nas coisas do Reino. As prioridades têm sido invertidas, o homem e seus desejos ou compreensão acerca de seu papel na Terra tem se colocado como o centro do Universo, e até mesmo na posição do Criador. Ao contrário do ensina a Bíblia, a criatura tem sido elevada à condição de decidir o que quer, como e quando ser e o Criado relegado ao plano de juiz leniente e sem autoridade. Mas vemos que Jesus usa o imperativo para nos indicar o rumo dessas preferências que têm norteado a sociedade atual. Se toda a vida humana, no presente ou no porvir está determinada pela opção que o indivíduo faz, a favor ou contra o Reino de Deus, devemos entender que esta determinação de Jesus é uma questão urgente, que não pode ser adiada, pois não sabemos quando haveremos de perecer. A decisão deve ser tomada no tempo que se chama hoje, pois dela depende fundamentalmente a sua salvação, conforme nos ensina o autor de Hebreus 3:13. Quem perde tempo preocupando em demasia com as coisas terrenas não consegue alcançar a dimensão do Reino de Deus. Essas coisas não podem ocupar a preocupação dos seguidores de Jesus como mais importantes da vida, pois aqueles que Nele confiam sabem que terão a provisão necessária. O ensinamento de Jesus, registrado também por Lucas nos faz refletir sobre o que ponderou o salmista nos Salmos 30:9

Que proveito há no meu sangue, quando desço à cova? Porventura te louvará o pó? Anunciará ele a tua verdade? Salmos 30:9

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!