Traduza este blog

sábado, 11 de fevereiro de 2017

E ele lhes disse: Vamos às aldeias vizinhas, para que eu ali também pregue; porque para isso vim. Marcos 1:38


O evangelista Marcos nos relata, assim os outros as maravilhas que Jesus fez por onde andou e os sinais que deveriam preceder o cumprimento da profecia. Ele pregava nas sinagogas, por toda a Galileia, e expulsava os demônios. Um dos episódios destacados por Marcos e também citado por Mateus e Lucas foi a cura de um leproso que, aproximando-se Dele, rogou-Lhe que o limpasse. Movido de grande compaixão, Jesus estendeu-Lhe a mão, e tocando-o, a lepra desapareceu. Mas mesmo sendo advertido de que não deveria contar a ninguém, antes de se apresentar ao sacerdote como mandava a tradição, vendo-se limpo, começou a apregoar muitas coisas, e a divulgar o que acontecera. Esse episódio deu notoriedade a Jesus que já não podia mais na cidade sem ser interpelado, por isso conservava-se fora em lugares desertos; e lá as pessoas de todas as partes iam ter com Ele. A lepra era a doença mais temida daquela época. Não só porque destruía o corpo, mas também por ser uma doença social. A aparência e o odor dos enfermos afastavam as pessoas sãs, por isso os doentes tinham que ser isolados do restante da comunidade, sem contato com sua família. A lepra era incurável, por isso o contaminado estava destinado a se separar para sempre de seus entes queridos e do convívio social. A separação social era, sem dúvida um mal terrível. Era como ser sepultado em vida. Mas esse leproso ouviu falar de Jesus e abandonando seus estigmas aproximou-se da multidão para chegar até Ele.  Foi aí que o milagre aconteceu. Esse milagre foi o primeiro registrado por Marcos, dentre tantas outras curas que Jesus tinha feito à época, certamente para nos mostrar alguns pontos importantes: a humanidade e o grande amor de Jesus pelos pecadores. Jesus poderia ter curado aquele homem apenas com uma palavra ou um gesto distante, mas a Bíblia destaca que Ele tocou no leproso. E ao quebrar um paradigma mostrou que Seu toque curava não só o corpo, mas também, a alma ferida daquele pobre homem. Jesus ainda é o mesmo e está pronto a nos tocar para curar nossas dores físicas e emocionais se Dele nos aproximarmos. Lembremo-nos que o Senhor é Jeová Rafá
Se ouvires atento a voz do Senhor teu Deus, e fizeres o que é reto diante de seus olhos, e inclinares os teus ouvidos aos seus mandamentos, e guardares todos os seus estatutos, nenhuma das enfermidades porei sobre ti, que pus sobre o Egito; porque eu sou o Senhor que te sara. Êxodo 15:26

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!