Traduza este blog

segunda-feira, 14 de novembro de 2016

Assim diz o SENHOR: Eis que levantarei um vento destruidor contra babilônia, e contra os que habitam no meio dos que se levantam contra mim. (Jeremias 51:1)


Porque Israel estava em total desobediência, Deus levantou a Babilônia para punir o povo que adorava imagens, e se desviava do Senhor curvando-se diante dos ídolos. Nabucodonosor, rei da Babilônia, foi usado para trazer juízo a Israel, depois de levar o povo ao cativeiro, com a permissão do Senhor. Mas a Babilônia se ensoberbeceu e além do que o Senhor havia permitido. Cheia de poder, Babilônia ultrapassou limites e também desprezou a Deus, por isso o próprio Deus a destruiu. Babilônia figurativiza as pessoas que se ensoberbecem, quando se sentem por cima, depois de conquistarem poder ou posição. Isso acontece porque pensam que o que possuem foi conquistado por força e inteligência humana. Assim como aconteceu com a Babilônia, quando desprezamos o Senhor, somos então abatidos, ou destruídos, para que aprendamos a conhecer e dar Honra e Glória a Ele. O homem natural é arrogante, mas o homem nascido em Cristo sabe reconhecer que nada, absolutamente nada pode acontecer no mundo sem a vontade ou consentimento do Criador e que não existe ninguém nem força alguma que possa combater, ou mudar a ação de Deus, uma vez que Ele é soberano. Lembremo-nos do que disse Paulo em Romanos 11:36

"Porque dele e por ele, e para ele, são todas as coisas; glória, pois, a ele eternamente. Amém."

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!