Traduza este blog

terça-feira, 15 de novembro de 2016

Chora amargamente de noite, e as suas lágrimas lhe correm pelas faces; não tem quem a console entre todos os seus amantes; todos os seus amigos se houveram aleivosamente com ela, tornaram-se seus inimigos. Lamentações 1:2


O livro de Lamentações, atribuído a Jeremias, registra a profunda tristeza do profeta ao ver Jerusalém castigada por Deus pelas mãos dos babilônios. Durante todo seu ministério profético, Jeremias dedicou-se ao trabalho de avisar os judeus sobre o julgamento iminente em consequência de séculos de rebeldia contra Deus. Apesar da dureza das palavras, Jeremias tinha um coração derretido e sofria com o povo, lamentando pela dor de uma nação que se amargou as consequências do castigo severo. Babilônia castigou impiedosamente e arruinou Jerusalém, por isso lamenta o profeta. Assim como acontece em nossos tempos, o povo ignora a voz do profeta e depois de escravizado pelo inimigo despeja suas queixas contra Deus, quando se encontra num momento de destruição e incertezas. Jeremias relembra o povo sobre a justiça divina e as consequências dos pecados. Vivemos tempos difíceis em que a sociedade se perde em meio a pecados e a doutrinas que colocam a criatura no lugar do Criador. Precisamos ouvir a voz do profeta e voltar-nos para o alvo antes que venham os dias maus. Precisamos buscar mais a Palavra de Deus e santidade pregada pelo Senhor Jesus e atender a exortação do apóstolo Paulo em Efésios 5:16

Remindo o tempo; porquanto os dias são maus. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!