Traduza este blog

quarta-feira, 20 de julho de 2016

Porém os olhos dos ímpios desfalecerão, e perecerá o seu refúgio; e a sua esperança será o expirar da alma. Jó 11:20


A Bíblia nos mostra que o ímpio por causa do seu orgulho não busca e não teme a Deus, então, sem o amor natural ele pratica a iniquidade e é um transgressor da Lei de Deus dada no monte Sinai e escrita pelo próprio dedo de Deus. O ímpio não se preocupa com os pobres, rouba-lhes os bens e a dignidade; o ímpio toma emprestado e não paga e deseja o mal daqueles que lhe fizeram bem. A palavra de Deus diz que eles não herdarão o reino de Deus, também porque são murmuradores, queixosos, andam segundo as suas concupiscências, são homicidas, adúlteros, feiticeiros, idólatras e mentirosos. O ímpio adula pessoas por interesse e procede de forma egoísta em suas relações. Nesse mundo dominado pelo maligno é inevitável não convivermos com um ímpio em nosso meio e muitas vezes temos a impressão de que eles são exaltados e premiados, enquanto os que andam segundo a justiça são negligenciados. Mas sabemos que, por mais que pareçam bem e que sairão impunes, ao contrário do justo, para eles não há esperança. Eles perecerão, conforme nos diz Jesus em Jo 3:36


“Aquele que crê no Filho tem a vida eterna; mas aquele que não crê no Filho não verá a vida, mas a ira de Deus sobre ele permanece”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!