Traduza este blog

quinta-feira, 9 de abril de 2015

Porque os tais não servem a Cristo nosso Senhor, mas ao seu ventre; e com palavras suaves e lisonjas enganam os corações dos inocentes. (Romanos 16:18)


Paulo nos faz refletir sobre o perigo de darmos ouvidos aos que, se dizendo cristãos ou porta-voz de Deus, provocam dissensões e discórdias entre os escolhidos. O apóstolo nos ensina a buscar o discernimento e a nos acautelar dessas pessoas, prestando atenção para não sermos presas fáceis e nos exorta a  desviar deles. Em Colossenses 2:2-4 ele explica “Digo isto, para que ninguém vos engane com palavras persuasivas”. Precisamos ficar ainda mais atentos e nos acautelarmos daqueles que têm a aparência do bem. Esses são os que mais nos enganam, pois nos surpreendem em suas ações na surdina, bem mais do aqueles que agem declaradamente contra a Obra de Deus. Aqueles que se dizem cristãos, que se proclamam do Senhor, mas fazem exatamente o contrário daquilo que o Senhor ensina, desses devemos fugir, lembrando o que diz Paulo em I Timóteo 4:1

“Mas o Espírito expressamente diz que em tempos posteriores alguns apostatarão da fé, dando ouvidos a espíritos enganadores, e a doutrinas de demônios”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!