Traduza este blog

sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

Se for possível, quanto estiver em vós, tende paz com todos os homens. Romanos 12:18


Jesus é chamado Príncipe da Paz não é por acaso. É por isso que Paulo nos ensina que se for possível devemos ter paz com todos. Mas ele sabia que não basta desejar a paz, pois ela só se materializará como consequência de um esforço de compreensão, de determinação e de fé. A paz não pode ser a expressão da ausência de conflitos por conta da morte nos relacionamentos. A paz verdadeira é a consciência de que, mesmo no meio de crises o coração se aquieta porque está entregue ao Senhor e a Ele cabe o julgamento das disputas. Quando julgamos ou procuramos resolver as crises por nossa conta a vontade que nos vem é a da vingança, a do confronto, do revide. Precisamos primeiro deixar que o Espírito Santo promova a paz em nós, porque sozinhos é quase impossível viver em paz. Somente em comunhão com Cristo nos capacita a desempenhar a difícil tarefa de viver em paz com as pessoas que nos rodeiam, até mesmo com aqueles que nos incomodam.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!