Traduza este blog

terça-feira, 31 de dezembro de 2013

"Porque ainda que a figueira não floresça, nem haja fruto na vide; ainda que decepcione o produto da oliveira, e os campos não produzam mantimento; ainda que as ovelhas da malhada sejam arrebatadas, e nos currais não haja gado; Todavia eu me alegrarei no Senhor; exultarei no Deus da minha salvação. O Senhor Deus é a minha força, e fará os meus pés como os das cervas, e me fará andar sobre as minhas alturas." Habacuque 3:17-19


Fim de ano, muitos planos frustrados, outros concretizados, mas o cristão genuíno escolhe agradecer em vez de contabilizar as perdas. A atitude do cristão deve ser como a do profeta. Mesmo que a situação seja difícil, aquele que confia no Senhor age com otimismo e gratidão. O Senhor é a força do Seu povo e quem Nele crê deve fazer como  Habacuque. Deus não tem interesse em nos castigar com a espera, mas em nos aperfeiçoar e amadurecer. Precisamos entender que há um tempo de espera e outro é o tempo de se cumprir. Davi entendeu essa premissa por isso afirmou “esperei com paciência no Senhor, e ele se inclinou para mim e ouviu o meu clamor”. Salmos 40:1. Quando esperamos com paciência em Deus, sendo gratos, alcançaremos as promessas, porque Deus é fiel. A Bíblia nos garante isso em  Hebreus 10: 36 “Por que necessitais de paciência, para que, depois de haverdes feito a vontade de Deus, possais alcançar a promessa” e reitera o que diz o profeta Isaias 40:31 “Mas, os que esperam no Senhor renovarão as suas forças e subirão com asas como águias, correrão e não se cansarão,caminharão e não se fatigarão”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!