Traduza este blog

domingo, 8 de dezembro de 2013

E, se as primícias são santas, também a massa o é; se a raiz é santa, também os ramos o são. Romanos 11:1


O apóstolo Paulo está se referindo a algo que poucas pessoas têm levado em conta nos dias atuais a “Lei das Primícias”. Essa lei diz que quando consagramos a primeira parte de algo ao Senhor, todo o restante é santificado e abençoado por Ele. Eis o segredo das bênçãos no caminho certo. Mas é importante entendermos que as primícias não se referem apenas ao fruto material de nosso trabalho. Ela diz respeito também ao nosso tempo, aos nossos bens, à nossa dedicação e ao nosso serviço. Quando priorizamos o nosso trabalho, os nossos interesses pessoais e deixamos nossa atenção a Deus para o resto de tempo que nos sobra, certamente como consequência dessa semeadura, colhemos fadiga e nosso trabalho não prospera. Vemos o fruto de nosso trabalho se esvair, ao passo que, quando dedicamos o primeiro instante a Deus e consagrando a Ele os primeiros minutos de cada dia temos a certeza de um dia abençoado e tudo o que fazemos neste dia rende. De igual modo, quando dedicamos a Deus as primícias de nossos bens e damos a Ele a primícia de nossa atenção, sem deixar que as coisas vãs deste mundo nos ocupem, e passamos a cuidar das coisas de Deus com dedicação, assim como ensinou Jesus em Mateus 6:3: “Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas”. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!