Traduza este blog

terça-feira, 20 de agosto de 2013

"Assim diz o Senhor, o teu Redentor, o Santo de Israel: Eu sou o Senhor teu Deus, que te ensina o que é útil, e te guia pelo caminho em que deves andar." Isaías 48:17



O profeta Isaías traz uma palavra de orientação do Senhor que tem um destinatário: aquele que escolhe obedecer. Ainda que todos recebam a mesma mensagem, decisão de acatar ou não o conselho é pessoal. A Bíblia está repleta de exemplos que mostram como as escolhas são decisões pessoais, mas usaremos dois exemplos para demonstrarmos essa condição: Sansão e Samuel. Sobre o nascimento de Sansão lemos em Juízes 13:7.”Porém disse-me: Eis que tu conceberás e terás um filho; agora pois, não bebas vinho, nem bebida forte, e não comas coisa imunda; porque o menino será nazireu de Deus, desde o ventre até ao dia da sua morte”. Sobre o nascimento de Samuel lemos em 1 Samuel 1:11 “E fez um voto, dizendo: Senhor dos Exércitos! Se benignamente atentares para a aflição da tua serva, e de mim te lembrares, e da tua serva não te esqueceres, mas à tua serva deres um filho homem, ao Senhor o darei todos os dias da sua vida, e sobre a sua cabeça não passará navalha”.
A Bíblia conta que ambos nasceram de mães estéreis que consagraram seus filhos desde o ventre, porque receberam a graça da maternidade, depois de clamarem a Deus. Apesar desta semelhança no nascimento e na consagração, o que diferencia a vida desses personagens bíblicos foram as escolhas de cada um.
Sansão tinha tudo para ser um grande homem a serviço de Deus, mas preferiu alimentar seu ego se envolvendo em relacionamentos amorosos pecaminosos. Ao escolher a comunhão com o mundo, ao se deixar envolver com prostitutas e mulheres que não temiam ao Senhor, ele negligenciou o seu chamado e comunhão com Deus. Ao contrário de Sansão que infringiu cada um dos votos, Samuel foi obediente e cumpriu os votos feitos por sua mãe. A consequência dessas escolhas é registrada na Bíblia, enquanto Samuel tornou-se profeta e juiz, Sansão deixou de exercer essas importantes funções na direção de seu povo, porque escolheu ouvir a direção da própria carne. Enquanto Samuel suscitou uma grande reforma nacional, renovando a aliança e trazendo o povo de volta à adoração ao Senhor Deus, Sansão se contaminou com mulheres que adoravam outros deuses; Enquanto Samuel obteve uma grande vitória em Ebenézer contra os filisteus de forma que eles jamais investiram novamente contra Israel durante o seu mandato de juiz, Sansão foi morto na batalha em que venceu os filisteus; Enquanto Samuel, como juiz, organizou as escolas dos profetas e "Julgou" Israel durante toda a vida, Sansão se misturou entre povos profanos e idólatras; Enquanto Samuel ficou conhecido como o último e o maior de todos os juízes e o primeiro da grandiosa linhagem de profetas hebreus posteriores a Moisés, Sansão ficou conhecido como o homem que perdeu sua força por conta dos prazeres da carne e do envolvimento com uma prostituta que o enfraqueceu física e moralmente.
As escolhas de ambos fizeram a diferença em suas vidas. Samuel escolheu ser um instrutor do povo de Deus, dentro da Palavra de Deus. Sansão escolheu quebrar a aliança com Deus. As consequências dessas escolhas são conhecidas. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!