Traduza este blog

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012


E a vida eterna é esta: que te conheçam, a ti só, por único Deus verdadeiro, e a Jesus Cristo, a quem enviaste. João 17:3

Deus nunca admitiu outro alem Dele. Ele é único e  o verdadeiro Senhor de nossas vidas. Mas Ele é  Deus zeloso e requer exclusividade. Não podemos imaginar que esse Deus repartiria o seu povo com um rival. Ele não divide a sua glória com ninguém, por isso a ordem tácita: " não terá outros deuses diante de mim".  Como então se espera que esse Deus possa fazer vista grossa aos que dobram seus joelhos, ou peçam favores diante de imagens de escultura feitas pelas mãos dos homens. Por mais que tentem se justificar, aqueles que  assim fazem cometem a tão condenada idolatria, uma vez que Deus foi explícito ao afirmar que Ele é o único Deus e que só poderemos adorá-Lo em espírito. Só chegaremos a Ele por meio de Seu Filho, e de ninguém mais, por mais santo que tenham sido. E a  idolatria é uma afronta a Deus,  porque  rouba-lhe a glória . Todos os profetas exortaram os israelitas a que se abstivessem da idolatria  e não foi diferente no Novo Testamento, assim não mudou nos dias atuais. Por isso fiquemos atentos ao que nos diz I João 5:21 "filhinhos, guardai-vos dos ídolos" .

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!