Traduza este blog

segunda-feira, 19 de novembro de 2012


E não é maravilha, porque o próprio Satanás se transfigura em anjo de luz. (2 Coríntios 11:14)

Infelizmente  as pessoas não querem mais fundar seus alicerces na verdadeira rocha. Atualmente, elas querem as coisas prontas, não querem mais orar, não buscam se santificar, não procuram jejuar, ler a palavra, amar o seu próximo... Muitos se prendem em aparência e querem se firmar apenas em algo belo e superficial, como a areia de uma bela praia. Essa advertência do apóstolo Paulo nos faz pensar que precisamos nos firmar na Rocha para não darmos espaço ao diabo, astuto e ardiloso. O inimigo das almas, astuto, covarde, traiçoeiro se disfarça no que mais nos agrada, por isso  o apóstolo Paulo nos diz que devemos  vestir a armadura de Deus, e assim a primeira coisa pela qual começamos é pela verdade. Desse modo, neutralizamos a ação do pai da mentira. Mentiroso e sutil, a sua estratégia para destruir as pessoas não é se apresentar como de fato é. Ele  se esconde e dissimula, mas  não se disfarça de coisas feias, não.  Ele escolhe as coisas mais bonitas. Ele se esconde atrás de uma mulher atraente  ou sensual, ou atrás de um rapaz bonito, para arruinar a vida de um homem ou de uma mulher. Ele se esconde atrás de uma garrafa fascinante, atrás de filosofias, mensagens, ideologias e até de religiões. O diabo prepara tentações personalizadas, porque se dedica a conhecer as fragilidades de cada um.  Paulo nos ensina que o diabo se transfigura em anjo de luz para iludir os desatentos, mas aqueles que estão firmes na Rocha e dão lugar ao Espírito Santo não se deixam enganar por satanás e seus demônios. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!