Traduza este blog

quarta-feira, 17 de outubro de 2012


  Um pouco de fermento leveda toda a massa. (Gálatas 5:9)

Para que tenhamos crescimento espiritual e para que cheguemos à estatura de varão perfeito, é preciso eliminar as brechas e rachaduras. É imprescindível que não nos deixemos contaminar pelas novidades do mundo, pelas sutilezas do inimigo, pela aparência do bem. O que pode parecer inocente vai se tornando algo que aos poucos nos contamina de tal forma que, quando nos damos conta já estamos totalmente envolvidos. Paulo nos alerta sobre o perigo de não atentarmos para isso. A metáfora usada por ele nos faz refletir sobre o risco que corremos de nos deixar contaminar espiritualmente por influências várias. O fermento é uma substância que excita outras substâncias, e faz com cresçam em proporção inimaginável em muitos casos, dependendo de outros fatores externos e internos. Nossa vida é sempre um fermento espiritual com que influenciamos outras vidas. Nossas palavras provocam reações em quem nos ouve, e,  se não formos sinceros, provavelmente nosso interlocutor seja igualmente desleal. Nossas atitudes provocam reações e criam atitudes e atos do mesmo teor, naqueles que nos rodeiam, por isso não podemos esperar que sejam neutras.
Nossos pensamentos são fermentos espirituais. Eles estabelecem atitudes e geram hábitos que por sua vez influenciam pessoas e concorrem para a transformação positiva ou negativa da “massa”que encontram.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!