Traduza este blog

segunda-feira, 6 de agosto de 2012


Pois o SENHOR, por causa do seu grande nome não desamparará o seu povo; porque aprouve ao SENHOR fazer-vos o seu povo. 1 Samuel 12:22


Essas palavras foram proferidas pelo profeta Samuel nos tempos da coroação de Saul como primeiro rei de Israel. O fato é que Deus não gostaria que Seu povo tivesse  um rei, como os outros povos, porque o Senhor deveria ser o único a reinar sobre a vida de Seu povo. Mas como é um Deus que dá aos Seus filhos o direito de escolha, não desamparou o Seu povo, apesar disso.  Quando aceitamos Jesus como nosso único Senhor e Salvador, nós nos tornamos o povo especial do próprio Deus, conforme anuncia 1 Pedro 2:9. Ele não nos desampara, mesmo sabendo que vamos desapontá-Lo. Ele nos aceita como somos,  pecadores, fracos e limitados. Jesus sabia disso antes de nos chamar e nos atrair para Ele. A certeza da nossa salvação não vem pelo que somos ou pelo que fazemos, mas no caráter de Deus, conforme diz 1 João 5:20: “E sabemos que já o Filho de Deus é vindo, e nos deu entendimento para conhecermos o que é verdadeiro; e no que é verdadeiro estamos, isto é, em seu Filho Jesus Cristo. Este é o verdadeiro Deus e a vida eterna”. A certeza que temos é que Ele nos guardará até o fim. Mas isto não nos dá permissão para continuarmos a pecar. Essa certeza deve ser o que nos impulsiona a perseverarmos no caminho do Senhor, pois  as nossas escolhas refletem o caráter de Deus, e nosso testemunho no mundo mostram a nossa comunhão com Ele. O Senhor não vai abandonar aqueles que lhe pertencem, diz o autor de Hebreus 13:5. Quem entregou sua vida a Ele pode descansar sossegado, não pelas obras, mas porque Deus cumpre a Sua palavra. E quem é salvo, é guardado por Ele. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!