Traduza este blog

domingo, 5 de agosto de 2012


Confessei-te o meu pecado, e a minha maldade não encobri. Dizia eu: Confessarei ao SENHOR as minhas transgressões; e tu perdoaste a maldade do meu pecado. (Selá.) Salmos 32:5

Como você tem reagido aos seus problemas? Tem se recusado a admitir suas fraquezas? Tem pecados não confessados a Deus? Tem perdão retido? Observe que muitos problemas vivenciados são decorrentes da indisposição em abrir o coração e expor o que verdadeiramente se sente. Na expressão do salmista, vemos que ele se rejubila porque foi contemplado com o perdão de Deus, depois de confessar-Lhe os seus pecados. É importante observarmos que Davi reconhecia suas falhas e não as encobria diante de Deus. Esse é o primeiro passo para obtermos o perdão. Desde o princípio, o pecado tem corrompido nosso mundo e manchado nossas vidas. A Bíblia descreve o pecado em I João 3:4 como sendo transgressão à lei de Deus e em Deuteronômio 9:7 e Josué 1:18 como rebelião contra Deus. Sabemos que nossa natureza é pecaminosa, e que, por nossa vontade não seremos perfeitamente vitoriosos sobre o pecado (1 João 1:8), mas esse ainda deve ser o nosso objetivo, porque temos a garantia da vitória sobre o pecado em Jesus. Em Deus, e ao seguir os princípios da Sua Palavra, podemos vencer o pecado e nos aproximar do caráter de Cristo. Não podemos vencer o pecado com a ingênua presunção de que somos invulneráveis, porque o pecado muitas vezes se apresenta a nós como algo bom, agradável, doce. O pecado teve seu começo com Lúcifer que contaminou a Adão e Eva, mas desde sempre Deus tem oferecido aos homens inúmeras oportunidades para serem limpos do pecado. A Bíblia apresenta vários recursos diferentes para nos ajudar a vencer o pecado, contudo as pessoas se fecham em seu próprio entendimento, assim como o primeiro casal, e continuam pecando. Por isso Paulo afirmou: "Pois todos pecaram e carecem da gloria de Deus" (Romanos 3:23) e "...assim também a morte passou a todos os homens, porque todos pecaram" (Romanos 5:12).    Jesus continua chamando: "Vinde a mim todos os que estais cansados e eu vos aliviarei". Não precisamos esconder de Deus os nossos problemas, os nossos pecados. Talvez a maior razão que temos para confessar nossos pecados seja a que encontramos em I João 1:9: "Se confessarmos nossos pecados! Se abrirmos o nosso coração para Ele sentiremos uma paz surpreendente, uma sensação de alívio que irá nos fazer sentir uma nova pessoa. Você pode confessar seu pecado, com a segurança de que Ele é fiel e justo para nos perdoar e nos purificar. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!