Traduza este blog

domingo, 24 de junho de 2012


  Ninguém pode servir a dois senhores, porque ou há de odiar um e amar o outro ou se dedicará a um e desprezará o outro. Não podeis servir a Deus e a mamon. Mateus 6: 24

A quem você serve? Onde tem fundamentado sua vida? O  apóstolo Paulo afirma com convicção aquilo que também nós devemos ter como verdade incontestável e absoluta: não há nada, nem ninguém que possa fundamentar as bases de nossa vida, além de Jesus. Ele é categórico ao dizer que ninguém pode, e que não há outro fundamento, mas muitos parecem não entender esse recado e seguem agindo dando espaço a outros deuses, descuidando de seus alicerces e edificando sua casa em areia movediça. O fundamento, a pedra angular, a rocha firme é Jesus. Não há outro. Engana a si mesmo quem pensa que pode ser feliz, ou conseguir sucesso, fortuna, posição ou estabelecer relacionamentos duradouros fora da presença do Senhor. Paulo na carta aos coríntios nos questiona se não sabemos que somos o templo de Deus e que o Espírito de Deus habita em nós. Porque ninguém pode pôr outro fundamento além do que já está posto, o qual é Jesus Cristo.” (1 Coríntios 3:11) E lembra-nos que se alguém destruir o templo de Deus, Deus o destruirá; porque o templo de Deus, que sois nós, é santo. Ninguém se engane a si mesmo, ensina o apóstolo. Aquele que profana o templo de Deus terá que dar disso. E nosso corpo é esse templo. Com ele devemos adorar e servir ao Senhor, usando os dons que Ele nos concedeu, e fugirmos de servir ao mundo, cedendo espaço ao maligno. Podemos escolher: ou servimos a Deus ou a diabo. Em O Senhor Jesus declarara abertamente da existência de dois senhores, sendo impossível servir aos dois ao mesmo tempo. Mas que senhores são esses e como agem em nossa vida? Cristo refere-se ao Senhor Deus e Pai, Deus forte, Poderoso, infinitamente misericordioso, íntegro, santo, puro, o qual não nos deixa desamparado na angústia, e, pelo seu infinito amor ao homem, deu o seu único Filho a morrer em sacrifício numa cruz, para todo aquele que nele crê, não pereça, mas tenha a vida eterna. Jesus fala também de outro senhor, mamon, que é o senhor da riqueza, da avareza, do dinheiro, da luxúria e do gozo da carne e dos prazeres deste mundo. Esse deus inspira o homem a imoralidade, a ambição e avareza, e direciona o seu coração apenas para as coisas materiais, terrenas e malignas, as quais Deus abomina.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!