Traduza este blog

segunda-feira, 4 de julho de 2011





Pedis e não recebeis, porque pedis mal...(Tiago 4:3)


Amado(a), quantas vezes nos sentimos frustrados porque pensamos não receber de Deus aquilo que pedimos. Nessas ocasiões, colhemos o risco de nos sentir desanimados e desiludidos, pensando que Deus não me ouve as nossas orações. A primeira lição a tirar disso é que devemos tomar cuidado, pois o desânimo é uma das mais perigosas armas que o diabo usa para nos impedir de recebermos as bênçãos do Senhor. Não podemos cair no erro de duvidar da eficácia da oração. Mas nem sempre nos damos conta de que nossas orações e nossos pedidos não servem para a glória de Deus, não são benéficos para o próximo e tampouco servem ao nosso próprio bem. A melhor maneira, a maneira mais certa de pedir é no sentido de que Deus nos dê sabedoria para reconhecer o que é bom e nos livrar de nosso julgamento precipitado. Por vezes, oramos e não vemos a resposta, porque pedimos mal; pedimos com sentimentos egoístas e menos de acordo com a vontade de Deus. O orgulho e a vaidade nos levam a pedir sem critérios, sem obedecer aos princípios de Deus. Se pedirmos com fé, humildade e segundo a vontade de Deus, certamente receberemos, porque Deus é fiel e não pode negar-Se a Si mesmo. Amado(a), faça você mesmo um balanço das graças que têm recebido ou não e verifique se aquelas que deixou de recebeu ou não recebeu no tempo em que pediu estavam de acordo com o propósito de Deus e se não chocavam com a sua bênção maior: a sua salvação! Aí você verá que Deus é fiel e justo e que ama você apesar de suas fraquezas!


Graça e Paz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!