Traduza este blog

terça-feira, 27 de julho de 2010





Vós sereis meus amigos, se fizerdes o que eu vos mando. (João 15:14)


Amado(a), João nos ensina o segredo de ser amigo de Deus. É simples: ser obediente. O verdadeiro cristão é amigo de Deus, porque só é cristão de verdade aquele que faz a vontade Dele. E amigo de verdade não usa o nome de Deus apenas para se dar importância. Não procura o Senhor apenas quando está se sentindo só, com problemas pessoais, financeiros ou profissionais. Não deixa de ir à sua casa porque tem outros compromissos. Não deixa de servi-Lo porque se acha estabilizado ou confiante em suas próprias forças. Não vai à Sua casa apenas para pedir, mas também para agradecer e honrá-Lo. O amigo de Deus fala bem de Seu nome diante de todos e não apenas quando está na igreja. O amigo de Deus é fiel, pronto para servir, adorar e honrar o Senhor também nos momentos difíceis e não apenas nos momentos de festa.
Mas é interessante observar que, quem se comporta com Deus de acordo com sua conveniência: procura-O nos momentos difíceis e O ignora quando tudo parece bem, em geral, age de forma análoga nos demais relacionamentos: com os amigos, com os irmãos, com o cônjuge... O cristão verdadeiro é amigo de todas as horas, é companheiro fiel e a exemplo de Deus não coloca condições para servir ou para honrar.
Podemos observar em nossas relações seculares essa verdade: o verdadeiro amigo está sempre pronto a ajudar, principalmente nas adversidades, mas o amigo de ocasião apenas se aproxima nas boas horas ou quando precisa do outro.
Conhecemos o amigo de Deus nas horas difíceis. Quando todos os outros nos abandonam, ele está sempre pronto a nos apoiar, independentemente de como temos agido com ele.
Mas os amigos do mundo são amigos da hora: só nos rodeiam quando temos algo a oferecer, quando vê o sorriso em nossos lábios, jamais aparecem para carregar o fardo conosco ou enxugar nossas lágrimas.
Amado(a), consulte seu coração e verifique se tem agido como amigo ou inimigo de Deus, porque somente os que viveram a experiência de um novo nascimento pela purificação do Evangelho de Cristo, poderão recebê-Lo com verdadeiro amigo. E agir com o próximo assim como Ele age: com amor incondicional.
Graça e Paz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!