Traduza este blog

sábado, 13 de março de 2010

Maná: Palavra Diária para Edificação


“E eu vos enviei todos os meus servos, os profetas, madrugando e enviando a dizer: Ora, não façais esta coisa abominável que odeio.” (Jeremias 44:4)

Amado(a), o profeta Jeremias, enviado de Deus, por diversas vezes alertou o povo sobre suas iniqüidades para que não fizessem coisas que o Senhor abomina. Ainda hoje Deus envia profetas para nos ensinar o caminho e nos lembrar daquilo que nos desvia. Deus odeia o pecado, não o pecador, por isso enviou Jesus e o Espírito Santo para nos tocar, dando-nos consciência do erro. Mas essa voz não vem de outro. Vem de dentro, quando temos um coração sensível para ouvir e tomar a decisão de mudar o rumo, voltando para o foco. Os profetas têm nos alertado, nem sempre ouvimos, muitas vezes ignoramos e repudiamos a voz daqueles que nos mostram a direção. Insensatamente, queremos ouvir elogios, palavras amáveis, e sim para os nossos erros. Quando nos deparamos com uma voz dissonante, que nos mostra o quanto estamos errados, que nos alerta sobre o perigo de darmos ouvidos às seduções do mundo e de nos associarmos aos pecadores, tendemos a nos irritar e a afastar de nós esses profetas do Senhor. Preferimos os aliados do inimigo, que nos bajulam, que nos compram com presentes e palavras falsas. Que dizem o queremos ouvir e não o que precisamos. Eis o perigo de encararmos o “não” como algo ruim. Às vezes essa palavra é o caminho mais seguro: dizer não ao pecado, aos negócios desonestos, às mentiras e fofocas, dizer não às ligações com pessoas que nos afastam de Deus, dizer não à falta de compromisso com a obra de Deus, dizer não às atitudes de ingratidão e de intolerância, dizer não à promiscuidade moral e física, dizer não aos “amigos” da hora, dizer não à precipitação e às escolhas sem a direção de Deus...
Essa lista infinita não nos limita, todavia, nos ensina que o que nos parece mau no momento pode ser a melhor coisa que nos acontece.
Resta ponderar e compreender que o tempo, sabiamente dirigido por Deus, nos mostrará aquilo que os profetas tentaram nos dizer com antecipação para nos poupar dores e sofrimentos. A boa notícia é que também isso pode ser instrumento de Deus para nos preparar para o melhor que tem nos preparado.
Graça e Paz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!