Traduza este blog

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2010

Maná: Palavra Diária para Edificação



“Ampara-me, segundo a Tua promessa, para que eu viva; não permitas que a minha esperança me envergonhe.” (Salmos 119:116)

Amado(a), há momentos difíceis em nossas vidas, os quais não sabemos como seguir em frente, diante de tanta luta e provação. Isso acontece com todos, com os que temem e com os que desobedecem ao Senhor. O deserto pode ser lugar de crescimento na vida de quem sabe que não estará sozinho, mas também lugar de morte para aqueles que não sabem ou não têm autoridade para clamar ao Senhor como fez o salmista no versículo em epígrafe. Como filhos, temos o direito de reivindicar as promessas do Pai, certos de que Ele nos amparará e de que as lutas são passageiras e servirão para nos fortalecer. É preciso crer e esperar, sabendo que a palavra de Deus não volta vazia e que tudo coopera para o bem daqueles que amam a Deus. Mas, note bem, daqueles que amam a Deus, diz Paulo, aos Romanos. E quem ama a Deus não desobedece aos Seus mandamentos não se associa aos ímpios e nem pratica a iniqüidade. A promessa do Senhor é lembrada pelo profeta Isaías 61:7: “Em lugar da vossa vergonha tereis dupla honra; e em lugar da afronta exultareis na vossa parte; por isso na sua terra possuirão o dobro, e terão perpétua alegria.” Quantas vezes somos afrontados, em nossa casa, em nosso trabalho e até mesmo na igreja, quando temos que suportar as investidas do inimigo nos diminuindo e nos fazendo parecer insignificantes ou incapazes de obter do Senhor as promessas? Mas o Senhor garante que aquele que não se afasta de Seus estatutos, aqueles que suportam com dignidade as afrontas, e por amor de Deus nome se mantêm firmes e confiantes, Ele não só há de amparar, mas transformará a vergonha em dupla honra. Que promessa maravilhosa, para aqueles que são filhos e herdeiros. Você faz parte desses privilegiados?
Graça e Paz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!