Traduza este blog

quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Se os teus filhos guardarem a minha aliança, e os meus testemunhos, que eu lhes hei de ensinar, também os seus filhos se assentarão perpetuamente no teu trono. (132:12)




Aliança significa pacto, acordo, ajuste, concerto. Teologicamente, refere-se ao concerto entre Deus e o seu povo. O nosso Deus é Deus de alianças. Assim, a Sua palavra contida na Bíblia é o livro das alianças: o Antigo Testamento é chamado Antiga Aliança, e o Novo Testamento, Nova Aliança. Por meio das alianças, o Senhor, pelo seu imenso amor, nos dá a garantia de muitas bênçãos, onde houver fé e obediência. A iniciativa do concerto sempre foi de Deus, que estabelece as condições. Por isso o salmista nos lembra que essa aliança não pode ser quebrada e deve ser passada de geração a geração, para que, possamos testemunhar as bênçãos nas nossas vidas e nas vidas de nossos filhos. Essa promessa não se restringe á vida terrena, mas é uma aliança perpétua com continuidade eterna.
Quando quebramos a aliança rompemos o concerto, mas Deus sempre nos oferece oportunidades de redenção porque quer levar a cabo o Seu plano de salvação dos homens. Para isso, "Deus mandou o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna."(João 3.16).
Veja o vídeo Deus de Promessas:

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!