Traduza este blog

domingo, 11 de fevereiro de 2018

“Não andarás como mexeriqueiro entre o teu povo; nem conspirarás contra o sangue do teu próximo. Eu sou o Senhor. ” Levítico 19:16





Segundo os dicionários mexerico é fato ou coisa contada sem conhecimento real ou efetivo; fofoca; intriga; enredo, bisbilhotice, chocalhice, desordem, balbúrdia. Em outras palavras é difamação, é falar da vida alheia, é espalhar contendas e provocar dissensões. Mexerico, portanto, nada mais é do que uma forma de destruir a imagem do outro por meio de mentiras, embustes, ou maledicências porque ou é focado em um erro na vida de uma pessoa, ou na invenção de um fato, ou no aumento ou distorção de uma informação. Mexerico é uma maneira covarde de se falar da vida alheia porque ocorre na ausência daquele de quem se fala. É um tipo de comentário intrigante que nunca é usado para elogiar, mas somente para manchar ou denegrir alguém e porque não tem assinatura, não implica responsabilidades. Em geral, o mexeriqueiro não assume o que diz, mas espalha de forma insidiosa um veneno sobre a vida do outro, de modo a extravasar as suas frustrações e se esconde sob a desculpa de que não pode provar, mas ouviu de fonte segura, quase sempre anônima ou proibida de ser revelada. Se o mexerico é algo pernicioso no nosso meio social ou profissional, no meio do povo de Deus é abominável, pois vem para provocar divisões, espalhar contendas, e fomentar discórdias, sendo, um instrumento do diabo e profundamente desagradável ao Senhor, conforme nos mostra o sábio em Provérbios 6:16
“Seis coisas que o Senhor aborrece, e a sétima a Sua alma abomina: 17 olhos altivos, língua mentirosa, mãos que derramam sangue inocente, 18 coração que maquina projetos iníquos, pés que se apressam a correr para o mal, 19 testemunha falsa que profere mentiras e o que semeia contendas entre irmãos.”



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!