Traduza este blog

quarta-feira, 9 de novembro de 2016

Como o vaso, que ele fazia de barro, quebrou-se na mão do oleiro, tornou a fazer dele outro vaso, conforme o que pareceu bem aos olhos do oleiro fazer. Jeremias 18:4


A Bíblia nos mostra que Deus mandou o profeta Jeremias descer à casa do oleiro para que lhe ser entregue uma mensagem ao povo de Deus. E lá Jeremias viu o oleiro moldando o barro para fazer um vaso novo. Jeremias observou que o vaso havia se estragado enquanto o oleiro o moldava, mas em vez de jogá-lo fora, ele trabalhava o mesmo barro até fazer dele um vaso novo e completo. Com essa passagem o profeta nos ensina importantes lições sobre como Deus age com seus servos. A primeira é que Deus não desiste de nós. Na metáfora do profeta, nós somos o barro e Des é o oleiro. Quando o vaso se quebrou na mão do oleiro, vemos que ele não o jogou fora, mas continuou moldando-o, insistindo nele até que ele se tornasse um vaso completo e pronto para ser usado. Deus não desiste de nós, mesmo quando tudo parece perdido, quando parecemos estar “quebrado”, quando não estamos inteiros Deus continua nos moldando e no tempo certo fará de nós um vaso novo e útil. E Ele não faz remendos em nós. Ele faz de nós uma nova criatura, como o oleiro não remendou o vaso que se quebrou em suas mãos, porque um “remendo” mais cedo ou mais tarde pode se quebrar de novo. A obra de Deus não tem remendos, mas Ele não faz em nós o vaso que queremos ser, mas o que precisamos ser, conforme o propósito Dele, assim como o oleiro fez do vaso que se estragou em suas mãos um vaso novo, conforme lhe pareceu melhor. Devemos confiar na sabedoria e no poder Dele e seguir a exortação do apóstolo Paulo


Que cada um de vós saiba possuir o seu vaso em santificação e honra; 1 Tessalonicenses 4:4

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!