Traduza este blog

quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Nenhum homem há que tenha domínio sobre o espírito, para o reter; nem tampouco tem ele poder sobre o dia da morte; como também não há licença nesta peleja; nem tampouco a impiedade livrará aos ímpios. Eclesiastes 8:8


Salomão, ao final de seu reinado, no livro de Eclesiastes reflete sobre a vida, e se revela decepcionado e desiludido com sua vida mundana. Ele demonstra como pensa o homem sem Deus e nos leva a refletir sobre o que acontece no fim da vida. Precisamos saber que prestaremos conta a Deus. O sábio rei compreende no seu processo de envelhecimento que a vida é cheia de futilidades e que  precisamos abrir nossos corações para contemplar a existência de Deus. Precisamos aprender com Salomão a enxergar nossa efemeridade, nossas limitações e incompletudes que anseiam por Deus e assim nos prepararmos para a “vida eterna”, lembrando-nos do que nos disse Jesus


Na verdade, na verdade vos digo que aquele que crê em mim tem a vida eterna. João 6:47 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!