Traduza este blog

quarta-feira, 19 de outubro de 2016

As muitas águas não podem apagar este amor, nem os rios afogá-lo; ainda que alguém desse todos os bens de sua casa pelo amor, certamente o desprezariam. Cânticos 8:7



O Amor é o sentimento que norteia as emoções humanas, por essa razão até mesmo o homem mais bruto busca a seu modo esse sentimento para sua vida seja significativa. É o amor que aproxima duas pessoas para uma convivência de trocas, por isso a relação amorosa requer o conhecimento do outro, processo gradual que deve ser sedimentado em valores e princípios sólidos. A Bíblia nos mostra que o amor não é um sentimento só, Ele é a junção de vários outros e deve ser desenvolvido. O sentimento de explosão e que brota como uma chama, de acordo com as experiências do mundo é paixão e não amor. O amor é o resultado de sentimentos que se completam. É espontâneo e sem exigências e não acaba, conforme nos ensina Salomão e nos mostrou o Senhor Jesus ao morrer por nós sendo pecadores. O amor sobre o qual nos fala Salomão é descrito por Paulo em 1 Coríntios 13: 4-7:

O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não trata com leviandade, não se ensoberbece. Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal; Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade; Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!