Traduza este blog

terça-feira, 23 de agosto de 2016

Toda a terra te adora e canta louvores a ti, canta louvores ao teu nome". Salmos 66:4


Quem é sábio e prudente entende essas coisas, pois nós fomos criados para adorar a Deus. Louvar é a forma mais óbvia de glorificar a Deus, mas quando obedecemos a Deus em fé, Ele revela Sua glória em nossas vidas. Quando testemunhamos, falando sobre Deus e Sua glória para outras pessoas, estamos também glorificamos ao Senhor e ensinando outros a glorificá-Lo. E quando amamos os outros damos glória a Deus e mostramos Seu poder ao mundo. Não podemos nos esquecer de que fomos planejados para agradar a Deus. O primeiro propósito de nossa vida é trazer alegria para Deus. Se assim entendemos, por mais que o mundo tenta nos constranger, humilhar e nos deixar para baixo, jamais nos sentiremos insignificante. Adorar é agradar a Deus, por isso tudo que fazemos com essa finalidade é um ato de adoração. A adoração é um impulso natural da criatura, por isso quando as pessoas não direcionam sua adoração para o Criador procuram coisas e pessoas para adorar. A adoração é um estilo de vida! E ela não pode ser uma parte de nossa vida, contudo, deve ser a nossa vida. Não podemos pensar em adoração apenas como um rito no culto da Igreja, mas devemos seguir o que nos ensina o apóstolo e adorar continuamente a Deus, fazendo de cada atividade cotidiana um ato de adoração.


"Assim, quer vocês comam, bebam ou façam qualquer outra coisa, façam tudo para a glória de Deus" (1Coríntios 10: 31).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!