Traduza este blog

terça-feira, 5 de julho de 2016

Porventura não pecou nisto Salomão, rei de Israel, não havendo entre muitas nações rei semelhante a ele, e sendo ele amado de seu Deus, e pondo-o Deus rei sobre todo o Israel? E, contudo, as mulheres estrangeiras o fizeram pecar. Neemias 13:26


Neemias fez todo um esforço para reconstruir a Nação, mas antevia que por causa do jugo desigual, tudo seu trabalho poderia ser perdido, pois fatalmente a Nação seria destruída. Por essa percepção ele alertou ao povo sobre o perigo da mistura de gente estranha à aliança, desconsiderando  a  Palavra de Deus. Essa permissividade em relação aos princípios e costumes do povo de Deus tem raiz na desobediência e desestrutura as bases da  santidade, uma vez que o povo deveria ser separado para Deus, no verdadeiro sentido de santidade. A mistura traz a desigualdade buscada fora do meio e isso não significa acepção de pessoas, ou desrespeito às diferenças, mas a não contaminação com o mundo, por meio das brechas que  essa desobediência abre. Nos dias atuais, mais do nunca, devemos dar atenção ao alerta de Neemias. Devemos ter cuidado e evitar a mistura em nossas casas. Salomão, apesar da notória sabedoria, deixou sua casa ruir pela contaminação de valores e princípios díspares, devido às associações com mulheres estranhas. O jugo desigual leva à ruína, por isso o apóstolo Paulo nos exorta



Não se ponham em jugo desigual com descrentes. Pois o que têm em comum a justiça e a maldade? Ou que comunhão pode ter a luz com as trevas? 2 Coríntios 6:14

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!