Traduza este blog

sábado, 23 de julho de 2016

O homem, nascido da mulher, é de poucos dias e farto de inquietação. Jó 14:1



A Bíblia contém muitas advertências sobre a brevidade da vida. Por isso é que ela considera o dia de hoje como o principal dia de nossas vidas, enquanto satanás tem o amanhã como o dia especial. Ele não se preocupa com as boas resoluções que tomamos para agirmos conforme a vontade de Deus desde que deixemos para adotá-las amanhã. Tradicionalmente, amanhã tem sido o dia oficial das realizações de quem não está convicto de que deve sair da inércia e mudar de atitude em relação a qualquer área de sua vida: é o dia de iniciar a dieta, de começar a poupar, de fazer aquela faxina sempre adiada, de pedir perdão e de entregar a vida a Jesus. A experiência de Jó é um alerta de Deus sobre a efemeridade de nossas vidas principalmente para aqueles que continuam postergando as suas intenções de abandonar o erro, seja em que área for, para o amanhã que é inatingível. Jesus deixa muito claro que essa não é uma atitude sensata:


Digo-vos que não sabeis o que acontecerá amanhã. Porque que é a vossa vida? É um vapor que aparece por um pouco e depois se desvanece.” Tiago 4:14

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!