Traduza este blog

sábado, 22 de agosto de 2015

Porque ouvi a murmuração de muitos, terror de todos os lados: Denunciai, e o denunciaremos; todos os que têm paz comigo aguardam o meu manquejar, dizendo: Bem pode ser que se deixe persuadir; então prevaleceremos contra ele e nos vingaremos dele. Jeremias 20:10


Esse versículo nos leva a refletir sobre a nossa frágil situação diante da sociedade, da nossa própria humanidade e de como estamos despreparados para as intempéries ou abalos. Muitas vezes, quando nos vemos em circunstancias adversas e difíceis nossa tendência é o  desânimo. Todos passamos por dificuldades no aspecto econômico, temos problemas de saúde e também na área espiritual passamos circunstancias que são difíceis, que nos desanimam. Mas a Palavra de Deus nos ensina o segredo para vencermos o desanimo. O profeta Jeremias é usado por Deus para mostrar ao seu povo que não podemos escutar o que as pessoas dizem negativamente. Devemos manter distâncias dos murmuradores. A Bíblia nos mostra vários exemplos de pessoas que não deram ouvidos ao que outros falaram de forma negativa contra eles e por isso foram vencedores. Davi venceu Golias, porque não se intimidou com o descrédito de seus irmãos ao se candidatar a lutar contra o gigante; Bartimeu livrou-se da cegueira, quando não parou para ouvir os que repetiam que ele não seria ouvido; Ana venceu a esterilidade e foi mãe de Samuel,  porque não se deixou levar pelas vozes que a recriminavam. E muitas são as pessoas hoje que podem testemunhar mudanças em suas vidas porque não desanimaram e não deram ouvidos aos descrentes e pessimistas, colocando seu coração para ouvir Àquele que pode todas as coisas, pois todos podem vencer os obstáculos e o desanimo, não se esquecendo de quem o chamou.
Mas o Senhor está comigo como um valente terrível; por isso tropeçarão os meus perseguidores, e não prevalecerão; ficarão muito confundidos; porque não se houveram prudentemente, terão uma confusão perpétua que nunca será esquecida. Jeremias 20:11

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!