Traduza este blog

domingo, 20 de abril de 2014

“Conservareis a memória daquele dia, celebrando-o como uma festa em honra do Senhor: Fareis isto de geração em geração, pois é uma instituição perpétua”. Êxodo 12:14



Enquanto o mundo comemora com ovos de chocolates, dando espaço ao coelho e à voz do consumismo que tira o foco do verdadeiro sentido desta festa, a comemoração da vitória sobre a morte. Os judeus em obediência a ordem de Deus em Êxodo 12:14 relembram esse dia comemorando a páscoa e os cristãos comemoram  a vitória  de Jesus sobre a morte. De certo modo, Êxodo 12:14 é uma referência ao sacrifício de Jesus, tendo sua morte como uma vitória contra a morte, uma travessia do mundo da escravidão do pecado que leva à morte, para a salvação pelo sangue de Jesus. Comemorar a Páscoa é celebrar a ressurreição de Jesus, Sua vitória sobre a morte e o pecado. Chocolates e coelhos são adaptações mundanas de outras culturas  e de celebrações a outros deuses, ardilosamente incorporadas para desviar a atenção do verdadeiro motivo da celebração. Mas lembremo-nos que Deus espera que Seus filhos continuem ouvindo e atendendo as Suas ordens e que não deixem de conservar a memória “Daquele dia”, que não deixem de celebrar a festa em honra do Senhor e que façam isso perpetuamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!