Traduza este blog

domingo, 14 de outubro de 2012


“Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento. (Filipenses 4:8)

A recomendação do apóstolo Paulo é a de concentremos nossas atenções e pautemos nossas ações naquilo que é puro, justo e digno. Se atentarmos para essas orientações nossas atitudes serão baseadas em princípios que não só agradam ao Senhor como trazem benefícios futuros e imediatos as nossas vidas. Andar no bem produz o bem. Conviver com pessoas de bem faz com que tenhamos atitudes e reflexos benéficos. Ainda que sejamos julgados pelo mundo como “tolos”, nossas atitudes trarão consequências positivas. Nossas ações seguem nossos pensamentos assim como um míssil persegue o calor do motor de um avião de caça. Por essa razão nossos pensamentos precisam buscar o que o apóstolo Paulo recomenda. Numa época em que a sociedade incentiva a desobediência, em que a mídia faz apologia do pecado e que tanta coisa ao nosso redor nos leva a buscar o negativo na vida, precisamos perseguir ativamente o caráter, as qualidades e os princípios de Deus. A Bíblia fala sobre a relação entre pensamentos e ações (Lucas 6:45). Salomão nos ensina em Provérbios 14:22 que bons padrões de pensamento são não apenas saudáveis, mas também fornecem um caminho para a integridade: “Acaso, não erram os que maquinam o mal? Mas amor e fidelidade haverá para os que planejam o bem” .

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!