Traduza este blog

domingo, 22 de abril de 2012

“Sede santos, porque sou santo!”(I Pedro 1:16)

 
A santidade é uma qualidade moral de pureza do espírito, alma e corpo. O cristão é, portanto, alguém que vive no mundo corrompido, sem se corromper porque tem na busca constante de santidade uma meta para atingir o caráter de Jesus, conforme exorta o Senhor no texto em epígrafe. Em vários momentos, por intermédio dos apóstolos e profetas, Deus nos manda buscar a santidade, não a intercessão dos santos canonizados por um tribunal. Santidade deve ser a meta de todo cristão, que não pode apenas exercer uma reverência a alguns homens que certamente foram santos. 
Assim como Pedro, Paulo também nos fala em santidade e isso significa estar separação do pecado e de tudo que nos leva a afastar de Deus, conforme destaca em suas palavras “Para confirmar os vossos corações, para que sejais irrepreensíveis em santidade diante de nosso Deus e Pai, na vinda de nosso Senhor Jesus Cristo com todos os seus santos”. (1 Tessalonicenses 3:13)

O Senhor espera que sejamos separados para que nos aproximemos Dele e por isso nos deixou a mensagem do evangelho.  Quem vive a palavra tem seu caráter transformado e por isso mesmo

opõe-se a todo pecado, anda nos caminhos do Senhor e guarda os seus juízos e os observa.  Quem vive em santidade não interpreta com malícia as coisas a seu redor, fala do que seu coração está cheio, mas não basta falar de santidade. Precisa vivê-la. Esse é o testemunho.  Quem vive na carne não admite a lei de Deus, porque sabe que ela restringe as suas atitudes, e que não admite a mistura com aqueles que vivem em promiscuidade. Um cristão autêntico tem em seu coração o amor, fé, paz, mansidão, sinceridade, bondade, honestidade e esses traços de caráter vão sendo confirmados, ampliados, amadurecidos e desenvolvidos na medida em que busca a santificação e a sintonia com Deus.

Você tem buscado a santidade em todos momentos e lugares onde se apresenta? Lembre-se de que Deus espera a santidade dos filhos no mundo, no cotidiano e não apenas no altar.


Graça e Paz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!