Traduza este blog

domingo, 31 de julho de 2011






Mas qualquer que me negar diante dos homens, eu o negarei também diante de meu Pai, que está nos céus. (Mateus 10:33).






Amado(a), reconhecer o Senhorio de Jesus é condição essencial à vida cristã. E, segundo Jesus, isso deve ser feito publicamente, diante de outras pessoas, até mesmo aqueles que se opõem ao Seu padrão de existência.
Todos os dias, temos a oportunidade de fazer o que Jesus nos ensinou. Entretanto, vemos que muitos fazem isso apenas quando lhes convém. Pedro e Pilatos são dois exemplos de pessoas que tiveram a oportunidade de tornar público um compromisso pessoal com Jesus Cristo, mas não o fizeram. A diferença entre esses dois personagens bíblicos é que Pedro, após experimentar sincero arrependimento, converteu-se e aproveitou uma nova oportunidade para confessar o Senhor. Ao passo que Pilatos preferiu lavar a mãos e deixar para os outros a sua responsabilidade. Quantos de nós temos agido como Pilatos e negado ao Senhor diante de amigos, colegas, chefes porque julgamos que não podemos assumir nossa condição de cristão? Interessante é que demonstramos o maior empenho e orgulho em estampar a camisa de nosso time, de levantar a bandeira de algum partido, de assumir publicamente nosso encantamento por algum ator, ou cantor e até mesmo deixamos claro nas redes sociais e em nossas mesas as nossas preferências por alguém. Contudo,
quando nos vemos em situação difícil clamamos a Jesus e, na primeira oportunidade de assumirmos nosso relacionamento com Ele diante dos homens, declinamos por vergonha, timidez ou covardia. Precisamos prestar atenção às palavras de Jesus, lembrando que muitas as pessoas que nos cercam nos abandonam ao primeiro sinal de um eventual fracasso, mas Deus se mantém fiel em todas as circunstâncias.






Graça e Paz!

Um comentário:

Agradecemos o seu comentário!