Traduza este blog

quinta-feira, 28 de julho de 2011



“Em tudo, dai graças, porque esta é a vontade de Deus em Cristo Jesus para convosco”. (1 Tessalonicenses 5:18)




Amado(a), observe que o apóstolo usa a expressão “em tudo”, ao nos ensinar a exercitar a gratidão. Isso significa que não devemos ser gratos apenas nos momentos de bonança, de “vacas gordas”, mas também nas adversidades, porque essa é a vontade de Deus. Ser grato não pode ser uma reação eventual, relacionada a uma experiência positiva apenas, mas uma atitude cristã constante. A conjução traduzida por “porque” também poderia ser traduzida por “pois” expressando o sentido de “causa”. Ou seja, a vontade de Deus é o ensejo desta conduta orientada pela gratidão em tudo. Portanto, a expressão de Paulo não é uma sugestão, mas uma clara determinação da vontade de Deus para que sejamos agradecidos permanentemente. Tomemos o exemplo de Cristo que em todo o tempo e circunstância foi grato ao Pai. Mesmo quando bebia o cálice das tribulações. Ele nos ensina a oferecer ações de graças mesmo quando nem tudo está como gostaríamos. É na gratidão que agradamos a Deus. Assim, devemos aprender a ser gratos aos nossos irmãos e até mesmos àqueles que nos ferem. Muitas vezes Deus usa o mal que nos fazem para nos fazer bem. Por isso e, principalmente, pela graça da salvação devemos iniciar o dia e terminá-lo com ações de graças.
Graça e Paz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!