Traduza este blog

quarta-feira, 9 de junho de 2010




“Pai, perdoa-lhes! Eles não sabem o que fazem!”.(Lucas 23: 34)


Amado(a), com esse gesto, na cruz, Jesus nos ensinou a ter um coração que perdoa, ou pelo menos que quer perdoar. Uma forma de nos aproximarmos de Deus e fazermos a Sua vontade é intercessão junto a Deus por aqueles que nos fazem ou fizeram mal. Se fomos criados à imagem e semelhança de Deus, devemos exercitar o perdão.
Perdoar, não é fácil, mas como cristão, temos que pelo menos querer dar o perdão àqueles que nos fazem mal. Perdoar faz bem muito mais ao que perdoa, do que ao que é perdoado. Entretanto, muitas não querem nem mesmo ver a pessoa que lhe fez algum mal. Jesus estava sendo crucificado e intercedia por seus algozes. Jesus reconhece que aqueles homens não sabiam a gravidade do que estavam fazendo. Nós também precisamos compreender, por mais difícil que seja, que todo homem é bom, que é imagem e semelhança de Deus, e que muitas vezes faz o mal sem querer fazê-lo, sem saber a gravidade daquilo que esta fazendo.
Como interceder por alguém que magoa nosso coração? É preciso nos colocar diante de Deus e pedir graça e direção, porque Ele sabe as razões por que passamos por algo que nos incomoda. Certamente, ao nos fazer um mal, um bem vem em nosso alcance, quando temos o coração aberto ao perdão.
Diante de todo o mal, Deus tira um bem. E aquele que nos faz mal merece não só o perdão de Deus, mas também o nosso.
Esse é o verdadeiro amor, amar como Jesus ensinou. Perdoar a todos aqueles que nos fizeram mal. Como podemos dizer que amamos a Deus, se não amamos ao próximo?

Graça e Paz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!