Traduza este blog

segunda-feira, 4 de janeiro de 2010

Maná: Palavra Diária para Edificação



Assim diz o SENHOR: Ponde-vos nos caminhos, e vede, e perguntai pelas veredas antigas, qual é o bom caminho, e andai por ele; e achareis descanso para as vossas almas; (Jeremias 6:16)

Amado(a), o profeta Jeremias insistia em pregar aquilo que ouvia de Deus iniciando sempre com “Assim diz o Senhor”. Por conta de sua coragem de levar a verdade, foi humilhado, preso e desprezado. E, ainda hoje, os profetas de Deus, que insistem em levar a verdade que salva e que liberta, continuam sendo ridicularizados e rejeitados. A palavra de libertação, que vem do trono de Deus continua recebendo a resposta: “não seguiremos!”, assim como no tempo do profeta.
Jesus nos diz: “Eu sou o caminho”; Eu darei ”descanso para as vossas almas”, mas muitos se desviam e buscam atalhos, enquanto outros, que têm coragem e fé suficiente para seguir esse caminho, têm encontrado descanso para a alma.
O sábio nos adverte em Provérbios 14:12: “Há caminho que ao homem parece direito, mas ao cabo dá em caminhos de morte”. E o apóstolo Paulo nos exorta em Romanos 12:2_ “e não vos conformeis com este século, mas transformai-vos pela renovação da vossa mente, para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus”. Entretanto, a palavra de Deus tem sido negligenciada e o homem tem procurado os seus próprios caminhos, ignorando os avisos dos profetas, rechaçando toda instrução que procede do Senhor, para dar ouvidos a quem desconhece ou zomba da verdade.
Estamos vivenciando uma cultura em que o certo parece errado, e o errado parece certo. Em que, quem diz a verdade é errado e quem mente, engana e rouba é reverenciado. Uma cultura de que todos e tudo podem ser comprados (juízes, policiais, prazeres sexuais, dignidade). Uma cultura na qual tudo é permitido e que o importante é o prazer do momento, em que a máxima é “Faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço”, sem consideração para com os valores morais, espirituais e familiares”. O pecado foi relativizado. Os pilares da sociedade estão se rompendo, porque a palavra de Deus tem sido desprezada. Mas sabemos que as conseqüências são visíveis. Basta olhar com um pouco mais de atenção para a vida daqueles que escolhem seus próprios caminhos.
Pecado é tudo o que vai contra a Palavra de Deus. Pecado é tudo que desagrada a Deus.
Amado(a), a palavra de Deus não muda ao sabor de nossos desejos, não adianta querer relativizar a moral, ajeitar a conduta e nos colocar no lugar de Deus. É preciso ter coragem para ouvir o profeta e se colocar no caminho. É preciso pedir ao Senhor misericordioso que nos ajude a fazer isso, quando não temos força, como fez o salmista: “Sonda-me, ó Deus, e conhece o meu coração, prova-me e conhece os meus pensamentos; vê se há em mim algum caminho mau e guia-me pelo caminho eterno”. Salmos 139:23-24

Graça e Paz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!