Traduza este blog

domingo, 11 de outubro de 2009

“Aquilo que o perverso teme sobrevirá a ele, mas o desejo dos justos será concedido.”(Provérbios 10: 24)



Amado (a), nada mais certo nesta vida do que a lei da colheita. Aquilo que semeamos, certamente, colheremos. Assim como o que plantamos em terra fértil cedo germinará, também aquilo que plantamos em nossas mentes será germinado. Por isso, amado(a), é preciso ter cuidado com nossos desejos e nossos temores, pois eles se materializarão. O salmista afirma que tanto o justo quanto o perverso terão concedidos aquilo que está em seu pensamento.
Deus conhece o nosso coração. Antes de termos uma forma, ele já nos conhecia, afirma o Salmo 139. Ele conhece os nossos desejos mais secretos. Portanto, cuidemos desses desejos como quem cuida de uma fonte preciosa. Dele jorrarão água pura ou contaminada. Cabe a nós escolhermos, pois o Senhor cumpre a Sua palavra.
Mas quando a sua resposta é um ‘espere’ ou um ‘não’ como ele disse a Paulo, podemos ter a plena confiança de que o melhor está por vir. E o melhor que podemos ter de Deus é a sua graça.

Graça e Paz!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!