Traduza este blog

domingo, 29 de julho de 2018

Por essa razão, o homem deixará pai e mãe e se unirá à sua mulher, e eles se tornarão uma só carne. Gênesis 2: 24






A família é uma instituição sagrada muito importante para Deus, porque, assim como a Igreja e o Estado, a família, estabelecida pelo casamento, é uma instituição, criada por Ele. Desde Gênesis 1:28, quando o homem foi criado, Deus viu que não era bom que ele estivesse só, e por isso criou a mulher para ser sua companheira e a eles deu a ordem de se multiplicar e povoar a Terra. Depois o Criador lhes disse que se casassem, saindo da sua casa, deixando pai e mãe para se tornar um só corpo. Deus também se refere ao povo de Israel como família. A Bíblia também nos mostra que, por meio da família de Abraão, todas as famílias da terra seriam abençoadas. Deus se refere ao povo de Israel como família. Portanto, vemos o quanto Deus se interessa pela família que é a principal fonte de formação da nossa identidade e do nosso caráter. As experiências vivenciadas em família marcam para sempre a nossa vida, e nos influenciam significativamente. Mas a Igreja, que reúne o povo de Deus, é também uma família no sentido mais amplo, pois ainda que não seja constituída necessariamente por pessoas do mesmo sangue, é composta por pessoas com os mesmos valores e princípios e unidas pelo Sangue de Jesus. Na Bíblia, portanto, o conceito de família também é espiritual e não apenas físico. Assim,  todos aqueles que aceitam Jesus fazem parte de uma grande família, composta por elementos de todas as línguas e nações (Apocalipse 7:9).

Depois destas coisas olhei, e eis aqui uma multidão, a qual ninguém podia contar, de todas as nações, e tribos, e povos, e línguas, que estavam diante do trono, e perante o Cordeiro, trajando vestes brancas e com palmas nas suas mãos;

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!