Traduza este blog

quarta-feira, 9 de agosto de 2017

Não vos prendais a um jugo desigual com os infiéis; porque, que sociedade tem a justiça com a injustiça? E que comunhão tem a luz com as trevas? 2 Coríntios 6:14



Quando Paulo nos fala do jugo desigual, ele se refere ao fato de que o diabo milita contra a luz e busca tragar aqueles que nela se encontram. Desse modo, ele usa as pessoas e artifícios para nos fazer crer que, se somos luz, podemos iluminar as trevas. O apóstolo nos leva a refletir sobre a ação constante do inimigo que, trabalha desde Gênesis para que não conheçamos a luz e assim busca o tempo todo seduzir o coração dos inconstantes para aceitar as "trevas". A Bíblia nos ensina que todas as pessoas na terra estão a mercê de viverem nas trevas, pois, ao criar o mundo, mesmo depois de ter criado a luz, Deus não eliminou as trevas. Ele as separou da luz. E foi exatamente para que essa separação se efetivasse que Jesus veio, em missão redentora. A vinda de Jesus significa exatamente isso: separação! Aqueles que andam na luz, portanto, não têm comunhão com as trevas. Quem está na luz deve refletir a luz, e jamais se associar àqueles que se encontram nas trevas. Por isso o profeta Isaías 60:1-2 nos diz

"Dispõe-te, resplandece, porque vem a tua luz, e a glória do Senhor nasce sobre ti. Porque eis que as trevas cobrem a terra, e a escuridão, os povos; mas sobre ti aparece resplendente o Senhor, e a sua glória se vê sobre ti".


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!