Traduza este blog

domingo, 22 de janeiro de 2017

Porque, onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, aí estou eu no meio deles. Mateus 18:20



O evangelista Mateus nos lembra de que quando duas ou mais pessoas se reúnem no nome de Jesus têm a autoridade de Deus para pedir e agradecer em nome Dele. Isso significa que Deus está no meio do Seu povo, conferindo-lhe sabedoria e autoridade, quando se reúne em Seu nome, mas não basta reunir. É preciso estar em obediência à Sua palavra. E também não significa que Deus não nos atende se, no silêncio de nosso quarto, ou em nosso canto de oração, seja onde estivermos, clamarmos a Ele, pois o próprio Jesus nos ensinou a orar de forma eficaz: Mas tu, quando orares, entra no teu aposento e, fechando a tua porta, ora a teu Pai que está em secreto; e teu Pai, que vê em secreto, te recompensará publicamente. (Mateus 6:6). Jesus se refere, nesse contexto, no texto em epígrafe, à demanda entre irmãos e à necessidade de perdoarmos àqueles que nos ofendem. Jesus nos ensina a sermos misericordiosos e compassivos e a não fazermos aos outros aquilo que não queremos que nos façam. Se nos reunimos em nome Dele, se usamos o Seu nome para validar nossas ações, então, teremos também que agirmos diante do próximo como Ele agiria. Lembremo-nos do que nos ensina o sábio em Provérbios 3:27
Não deixes de fazer bem a quem o merece, estando em tuas mãos a capacidade de fazê-lo. Provérbios 3:27

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!