Traduza este blog

terça-feira, 4 de outubro de 2016

O que encobre as suas transgressões nunca prosperará, mas o que as confessa e deixa, alcançará misericórdia. Provérbios 28:13


Salomão nos mostra que apesar de sermos pecadores podemos alcançar o perdão, por meio do arrependimento sincero. Nós somos pecadores redimidos pelo sangue de Jesus na Cruz do Calvário, e isso significa que o pecado em nossa vida não pode ser uma regra e sim uma indesejável exceção. Se ele acontece não pode ser motivo para nos tirar da presença do Senhor, mas uma razão para nos reaproximarmos do Pai, por intermédio de Jesus que pode nos perdoar. Davi nos lembra de que a confissão e o arrependimento nos redime, por isso ele não se calou quando reconheceu que estava errado e entendeu que o Senhor o perdoaria pela Sua grande misericórdia. Quem confessa e “deixa” o pecado tem a garantia da misericórdia do Senhor e recebe o perdão. Infelizmente, muitos ainda acreditam que basta confessar, mas continuam na prática do pecado. Entretanto, há dois verbos imprescindíveis e intrinsecamente relacionadas: confessar e deixar. Se essas ações forem efetivas, podemos ter a certeza de que agradamos a Deus e assim nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus, que não andam segundo a carne, mas segundo o Espírito que nos dá o suporte para vencermos o pecado.


 Não veio sobre vós tentação, senão humana; mas fiel é Deus, que não vos deixará tentar acima do que podeis, antes com a tentação dará também o escape, para que a possais suportar. 1 Coríntios 10:13 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!