Traduza este blog

segunda-feira, 19 de outubro de 2015

Prometendo-lhes liberdade, sendo eles mesmos servos da corrupção. Porque de quem alguém é vencido, do tal faz-se também servo. 2 Pedro 2:19


O profeta está nos falando sobre aqueles que pensam ser livres e pregam essa pseudoliberdade induzindo os que não têm discernimento aos caminhos da perdição. Ele fala daqueles que afirmam que toda religião leva a Deus, que garantem por seu próprio entendimento que Deus não quer seus filhos infelizes e por isso os deixa escolher o que melhor lhes agrada. Fala daqueles que escolhem na Bíblia os trechos em defesa de seus pontos de vistas acerca de viverem conforme seus desejos. Essas pessoas recortam a Palavra de Deus e dela tiram apenas o que lhes agrada e em relação ao que lhes incomoda afirmam que o mundo mudou e que Deus é uma energia pura e boa que não pode castigar os que são livres para escolher, porque, afinal, segundo entendem, toda forma de amor é válida. Mas o apóstolo Pedro nos lembra de que aquele que se deixa vencer por essa corrupção moral e espiritual e que os faz deturpar a vontade de Deus é escravo de sua insubordinação. Quem se insurge contra a Palavra de Deus e se arroga no direito de julgá-la é vítima de sua própria ignorância.

Porque, falando coisas mui arrogantes de vaidades, engodam com as concupiscências da carne, e com dissoluções, aqueles que se estavam afastando dos que andam em erro, 2 Pedro 2:18 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!