Traduza este blog

quinta-feira, 12 de dezembro de 2013

Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo. 2 Coríntios 5:17


"Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que creem no seu nome; os quais não nasceram do sangue, nem da vontade da carne, nem da vontade do homem, mas de Deus." (João 1:12-13)

 Há alguns equívocos que ainda permanecem em relação à vida cristã e à salvação em Cristo. Há quem pense que todos somos filhos de Deus, ou que todos os que se identifiquem como tal são cristãos. Todos somos criaturas de Deus, mas só é filho  aquele que nasce de Deus, aquele que entrega a sua vida a Jesus e o recebe como seu Salvador, deixando para trás as coisas velhas. Sendo, portanto, nova criatura. E essa mudança não é exterior. E para nascer de novo é necessário crer que Jesus derramou o seu sangue como pagamento pelos nossos pecados e ressuscitou dos mortos para nossa justificação e, assim, entregar a sua vida a Jesus, e recebê-Lo como Salvador e  Senhor. Mas, infelizmente, muitos que declaram sua fé em Jesus, que frequentam uma igreja e se dizem cristãos ainda se comportam como velhas criaturas, pois não se converteram de fato. Doutrinas e regras religiosas não trazem salvação. Ser cristão não é ser religioso, mas ser separado  no mundo, estando nele, é uma vivência de dentro para fora, não uma aparência. Ninguém é salvo por obras, ou  pelo seu próprio esforço, conforme declara Paulo em Efésios 2:8-9 "Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós; é dom de Deus. Não vem das obras, para que ninguém se glorie." Em Efésios 2:8 Paulo diz: "pela Graça sois salvos ..." E graça significa um favor imerecido.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!