Traduza este blog

quarta-feira, 29 de agosto de 2012


"E tudo quanto pedirdes em meu nome eu o farei, para que o Pai seja glorificado no Filho. Se pedirdes alguma coisa em meu nome, eu o farei." João 14:13-14

Essas palavras são de Jesus, ensinando como devemos pedir em oração. Se pedimos em nome de Jesus, e o Pai nos atende para que Ele seja glorificado. Muitas vezes pedimos e não recebemos quando esperamos, mas não podemos nos esquecer de que Deus sabe qual é o melhor momento. Também precisamos orar segundo a vontade de Deus, conforme nos ensina o salmista “Agrada-te do Senhor, e ele satisfará os desejos do teu coração” (Sl 37.4). - Deus não atenderá nenhum pedido que não esteja de conformidade com os seus princípios. Quando pedimos no nome de Jesus, conforme Ele mesmo nos ensinou, podemos esperar com confiança, se nosso pedido está de acordo com a Sua vontade “Naquele dia, nada me perguntareis. Em verdade, em verdade vos digo: se pedirdes alguma coisa ao Pai, ele vo-la concederá em meu nome. Até agora nada tendes pedido em meu nome; pedi e recebereis, para que a vossa alegria seja completa” (Jo 16.23,24). “E tudo quanto pedirdes em meu nome, isso farei, a fim de que o Pai seja glorificado no Filho. Se me pedirdes alguma coisa em meu nome, eu o farei” (Jo 14.13-14). Precisamos pedir, não para nosso deleite, mas para glória de Deus – “Cobiçais e nada tendes; matais, e invejais, e nada podeis obter; viveis a lutar e a fazer guerras. Nada tendes, porque não pedis; pedis e não recebeis, porque pedis mal, para esbanjardes em vossos prazeres” (Tg 4.2,3). A Bíblia nos ensina que pedidos feitos com motivações erradas não funcionam. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Agradecemos o seu comentário!